Você vive levando na cara
As lições da vida ainda não
Conseguiu aprender
E insiste na velha mania
De querer gostar de amar
Quem não ama você

Você vive de portas abertas
Deixa entrar quem quiser
E fazer o que bem entender
Mas no fim eu fico sozinho
Parecendo até que você gosta
De me ver sofrer

Coração covarde, tenha dó de mim
Mude esse seu jeito, não se entregue assim
Coração covarde, tenha mais juízo
Tenha dó de mim, mesmo não querendo
A gente as vezes tem é que ser ruim

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir
Composição: Hébano / Juvenal De Oliveira · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por Lincoln
Viu algum erro na letra? Envie sua correção.