Toda vez que eu te vejo
Eu giro e piro
Toda vez que eu te vejo
Viro viro vampiro

De tanta vontade de te amar
Morder teu corpo
Até se trans
Formar
Formar
Formar

Vamp neguinha
Você é a minha poesia
Pira na minha
Menina vampira

Me acorda no meio da noite
Enquanto a lua
Brilhar no céu
Céu
Céu
Céu

E eu te sugo sugo sugo
Sugo sugo sugo
Sugo sugo
Sugo

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir