exibições 11.793
Foto do artista Coco Raízes de Arcoverde

A Vida Tava Tão Boa

Coco Raízes de Arcoverde


A vida tava tão boa, pra quê mandou me chamar

Eu tava no juazeiro, no sertão do ceará
(a vida tava tão boa, pra quê mandou me chamar)

Tava no crato, de crato para monteiro
De monteiro para o crato, e do crato pra juazeiro.
Depois do crato eu voltei para monteiro.
De monteiro para o crato, e do crato pra juazeiro.
(a vida tava tão boa, pra quê mandou me chamar)

Eu tinha só 13 anos, você pode acreditar
(a vida tava tão boa, pra quê mandou me chamar)

Tava no crato, de crato para monteiro
De monteiro para o crato, e do crato pra juazeiro.
Depois do crato eu voltei para monteiro.
De monteiro para o crato, e do crato pra juazeiro.
(a vida tava tão boa, pra quê mandou me chamar)

Quando minha mãe morreu, eu só pensava em chorar.
(a vida tava tão boa, pra quê mandou me chamar)

Tava no crato, de crato para monteiro
De monteiro para o crato, e do crato pra juazeiro.
Depois do crato eu voltei para monteiro.
De monteiro para o crato, e do crato pra juazeiro.
(a vida tava tão boa, pra quê mandou me chamar)

Parti para o juazeiro pensando em trabalhar.
(a vida tava tão boa, pra quê mandou me chamar)

Fiquei com a minha tia. na roça eu fui plantar.
(a vida tava tão boa, pra quê mandou me chamar)

Tava no crato, de crato para monteiro
De monteiro para o crato, e do crato pra juazeiro.
Depois do crato eu voltei para monteiro.
De monteiro para o crato, e do crato pra juazeiro.
(a vida tava tão boa, pra quê mandou me chamar)

Esse coco é todo meu, você pode acreditar.
(a vida tava tão boa, pra quê mandou me chamar)

Canto coco e canto roda para a moçada brincar.
(a vida tava tão boa, pra quê mandou me chamar)

Tava no crato, de crato para monteiro
De monteiro para o crato, e do crato pra juazeiro.
Depois do crato eu voltei para monteiro.
De monteiro para o crato, e do crato pra juazeiro.
(a vida tava tão boa, pra quê mandou me chamar)

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir