Vou jogar milho aos pombos
Eu já cansei de correr
Vou sentar no banco daquela praça
E simplesmente esperar

Como dizia o poeta
Eu sou o cara e ainda vou chegar lá
Enquanto pego aqui
Vários campeões do bilhar

Esta Babilônia onde morreu a poesia
Milho aos pombos, eu vou jogar
Esta Babilônia, comida aos pássaros
Que nada sabem do que é perder

"Sobre todas as coisas, a Terra é um mapa
As nuvens são almofadas de algodão e cetim
Acima da Babilônia vendo a vida do alto"

Milho aos pombos em algum lugar do mundo
Eu sou o cara e ainda vou chegar lá
Milho aos pombos em algum lugar do mundo
Eu sou o cara e ainda vou chegar lá

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir