Só defendo o que é nosso
Mais uma vez eu confesso
Nosso povo sertanejo
Também tem o seu congresso
Num país civilizado
Só pode morá o progresso
Na mente dos violeiro
Mora sempre o sucesso
Nos lugares que eu passei
Só saudades eu deixei
Estão pedindo meu regresso

Com moda selecionada
Estou sempre no programa
Transmitindo a esperança
Ao coração de quem ama
Nesse peito de caboclo
Mora uma voz que se inflama
Eu moro embaixo do céu
Onde os ouvintes me chama
Minha vida é um paraíso
Sempre tive bão juízo
Eu zelo por minha fama

Minha voz é uma mensagem
A viola é a bandeira
Que fez o lari larai
Atravessar a fronteira
Considero meus ouvintes
Gente boa hospitaleira
Minha fama está correndo
Nessa terra brasileira
Com esse pagode novo
Apoiado pelo povo
Transponho quarqué barreira

Não tenho morada certa
Corro o mundo igual o vento
A luz que me ilumina
Mora lá no firmamento
Meu sangue de violeiro
Já veio de nascimento
E o folclore brasileiro
Na viola eu represento
Já tenho muitas vitórias
Ganhei o degrau da glória
Com Deus no meu pensamento

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir