Acho que às vezes
Não sei quem eu sou
Mas não gasto o tempo a entender

Acho que às vezes
Não sei onde vou
Mas vou, mesmo assim, sem saber

Porque eu
Perdi-me na vida
Mas foi porque quis
Sou carta batida
Mas carta feliz
É aquela que ainda me falta escrever
Mas só quando eu quiser

Acho que às vezes
Não sei quem tu és
Mas já nem perco tempo a imaginar

Acho que às vezes
Eu vou de lés a lés
Eu vou mesmo assim, sem pensar
Porque eu
Perdi-me na vida
Mas foi porque quis
Sou carta batida
Mas carta feliz
É aquela que ainda me falta escrever
Mas só quando eu quiser

Será que alguém guardou a dor num canto
Eu canto só para ver o amor passar
E se o acaso chegar entretanto
Eu vou lá estar

Acho que às vezes
Não sei quem eu sou
Num tempo que já se perdeu

Acho que às vezes
Já sei onde vou
E sei que o meu amor sou eu

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir

Posts relacionados

Ver mais posts