Fazendo o que posso pra não desprezar a razão
Trincando os ossos num dia de cão
Desviando a façe de uma realidade cruel
Sem ver a verdade cobrindo o céu
Mergulham direto pro fundo do poço
Caminhado para um futuro duvidoso
Pra sobreviver
Sobrevive..r
Seguindo as pegadas de um sego pela contra-mão com as mãos atadas vão sem direção
Feridos pro dentro caminhan sem saber porque
E os desatentos vão sobreviver
Mergulham direto pro fundo do poço ô ô
Caminhando para um futuro duvidoso
Pra sobrevive..r
Sobrevive..r.

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir