O Que Me Habita É a Fera

Diogo Ferreira


O que me habita é a fera}
Que ama o fogo e adora a guerra} REFRÃO
Num vale de solidão profundo}
Me leva a vários tipos de mundo}

Como nas nuvens do arrebol
Fatalmente aconteceu
Te olho e me vejo no espelho
Não vejo ninguém mais do que eu
A mensagem na garganta de um cantador
A voz que ainda não morreu

Não ter medo de ser você
É o que me faz ver o mar
Não estou aqui por acaso
O tempo não me faz enganar
Sei que foi justamente em você
Que eu redescobri o que é amar

Caminhos tristes que me desenganaram
Que foi numa solidão sombria
Pois sou um filho da noite
A companheira que ela queria
E assim vivi até te encontrar
Nas trevas de uma madrugada fria

Mas quando eu encontrei você
Encontrei também carinho e proteção
E nas curvas do seu lindo corpo
Correndo capotei meu coração
E até chegar o meu fim
Te amarei com a maior devoção

A morte segue surda ao meu lado
E eu não sei quando ela vai chegar
E a minha vida está
Na pedra de qualquer lugar
Que qualquer idiota gospe
E a consciência está a reclamar

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir
Composição: Diogo Ferreira Raul. Essa informação está errada? Nos avise.
Enviada por Diogo. Revisão por Diogo. Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais posts