Pale Tortured Blue

Draconian


Pale Tortured Blue

On my naked back
A dance of the nocturnal sun
The tall grass crawls around me
In adoration bowing
Can I find you in your dark?
Can you find me in your heart?

There's a fallen statue in the wilderness
It has found its way to your dreams
Haunting the waking hours
In nights' color with eyes like rain

The shades beseech you
My love increases you
And summer freezes you into me
The cold fire suits you!
A pale tortured blue blistering through

A lifeless lover was the high mountain
Where we tried to reach the stars
The moon, the ways beyond
It was the purest love of all

I will raise a statue in the wilderness
It will find its way to your dreams
This will haunt you forever
In nights' color with eyes like rain

Yet I collect the stars you wept
Keeping them as my own
To be lost in your eyes
For all the sadness that we kept

And I fail to realize it's you
The cold suits you!
A pale tortured blue blistering through

When there's peace within myself
And everything else
A pale tortured blue blistering through

Pálida Agonia Torturada

Sobre minhas costas nuas
Uma dança do sol noturno
A grama alta rasteja ao meu redor
Curvando-se em adoração
Eu posso encontrá-lo em suas trevas?
Você pode me encontrar em seu coração?

Há uma estátua caída no deserto
Ela encontrou um caminho para seus sonhos
Assombrando as horas de vigília
Em cores noturnas com olhos de chuva

As sombras suplicam por você
Meu amor te faz crescer
E o verão congela você em mim
O fogo gelado lhe cai bem
Uma pálida agonia torturada borbulhando

Uma amante sem vida foi a alta montanha
Onde nós tentamos alcançar as estrelas
A lua, os caminhos além
Foi o mais puro dos amores

Vou erguer uma estátua no deserto
Ela encontrará um caminho para os seus sonhos
Isto irá assombrá-la para sempre
Nas cores noturnas com olhos de chuva

Mesmo que eu colecionasse as estrelas que você chora
Guardando-as como minhas
Para se perderem de seus olhos
Por toda a tristeza que mantivemos

E eu falho em perceber que é você
O frio combina lhe cai bem
Uma pálida agonia torturada borbulhando

Quando há paz dentro de mim
E em todo resto
Há uma pálida agonia torturada borbulhando

Original Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir

Posts relacionados

Ver mais posts