exibições 21.097

Posso Até Me Apaixonar

Dudu Nobre


Gosto que me enrosco
Num rabo de saia
Quero carinho, quero cafuné
Esse teu decote me tira o sossego
Vem me dar um chamego se você quiser
O seu remelexo é um caso sério
Esconde um mistério que eu vou desvendar
Mas você, pitéuzinho
Faz logo um charminho pra me maltratar

Não faz assim
Que eu posso até me apaixonar

Fingindo inocente
Toda saliente
Vem me olhando diferente
Chego a estremecer
Meu Deus, que avião
Chamando minha atenção
Balança meu coração
E quer me enlouquecer
Machuca esse teu nêgo
Eu não vou pedir arrego
Não vou fraquejar
Você está fazendo jogo duro
Só penso no teu sussurro
Dentro de um quarto escuro
Querendo me amar
Não faz assim...

Pedaço de mau caminho
Esse seu umbiguinho
Me deixa em desalinho
Juro que não ligo
Já é do métier
Pôr uma saia de crochê
Ou um belo bustiê
Só pra acabar comigo
Senhor como é que pode
Essa nêga no pagode chega pra abalar
O corpo queimado de praia
Blusa tomara-que-caia
Noite inteira na gandaia
Ela só quer sambar

Essa menina quer me enlouquecer
Nasceu geral maluca
Agora o que eu vou ser, agora qual vai ser
Qual vai ser minha sina, essa menina quer me enlouquecer
Essa menina
Essa menina tá perdendo o respeito
Essa menina quer brincar, então brinca direito
Eu fui dizer pra ela que eu sou sujeito homem
Ela me disse que não, que eu era um homem sujeito
E que o sujeito tá perdendo o seu posto
Com muito jeito ainda consigo ser sujeito composto
Mas ela tem predicado para me fazer de objeto
Verbal, nominal, indireto e direto
Essa menina tá querendo me dar
É uma dor de cabeça que vai ser ruim de curar
Tanta coisa compensa eu paro até de pensar
Essa menina é sinistra, rapá
Essa menina tá me maltratando
Me pede tudo sorrindo, que eu faço tudo chorando
Quem não chora não consegue mamar
Ah menina, não faz assim que eu posso até me apaixonar

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir