Nova Idade das Trevas

Dulce Quental

exibições 362

O que eu aprendi não me serve.
O que eu conheci acabou.
O mundo já não é mais mundo.
E eu não sou quem você encontrou.

Como vai ser então a nossa história,
Nesse filme sem cor.
Desapareceremos na memória,
De um mundo que desertou.

Se a vida me pede pra ser quem eu não sou,
Que eu serei nesse mundo,
Na nova idade das trevas,
Sem coração e amor.

Uma criança ferida na sua verdade.
Um louco selvagem solto nas cidades.
Indiferente a dor do mundo,
Sem compaixão no olhar.
Como fazer o sol de novo brilhar?

Add a playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir