Estragar O Que Está Bom

Edgar Domingos


Quando decidiste partir
Tu não pensaste em nós
Desististe de mim e do nosso amor
Sem sequer uma explicação
Tinha perdido amor da minha vida
Chorar pra mim virou uma rotina
Mas percebi que não era assim

Pois tudo virou nada
Esforçava-me por ti, tu nem ligavas
E eu parva mesmo assim continuava
Achando que tu realmente me amavas
Não me amavas
Mas hoje já não me enganas

Não vou ser aquela que tu só chamas
Quando precisas de alguém na tua cama
Ligas pra mim mas eu sei que tens várias
Baby

Diz porquê que decidiste voltar
Agora que eu
Encontrei alguém que sabe amar
O que você perdeu
Tu só queres estragar o que tá bom
Tu só queres estragar o que tá bom
Tu só queres estragar o que tá bom
Tu só queres estragar o que tá bom

Não vou mentir que não sinto, mas não posso
Pois não é certo e eu não gosto de pensar em ti
A última vez que fiz, eu me feri
E o teu rosto, quando mentes eu já noto
Que não sentes o que eu sentia antes
Só pra ficares distante

Mas tu sempre
Arranjas desculpas pra me ver
Dizes sempre que já não olhas pra outras mulheres
Falas muito mas não fazes para merecer
Tu olhas pra mim como objecto de prazer
Mas tu sempre
Arranjas desculpas pra me ver
Dizes sempre
Que deixarias tudo pra me ter
Mas tu não fazes para merecer

Não, não, não, não

Diz porquê que decidiste voltar
Agora que eu
Encontrei alguém que sabe amar
O que você perdeu
Tu só queres estragar o que tá bom
(Só queres estragar o que tá bom)
Tu só queres estragar o que tá bom
Tu só queres estragar o que tá bom
(Só queres estragar o que tá bom)
Tu só queres estragar o que tá bom

Só queres estragar o que tá bom
Só queres estragar o que tá bom
Só queres estragar o que tá bom, tá bom
Só queres estragar o que tá bom, tá bom

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir
Composição: Edgar Domingos. Essa informação está errada? Nos avise.
Enviada por Reis. Revisão por Kiamy. Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais posts