Santidade

Eliã Oliveira

exibições 128.471

A trombeta vai tocar, breve o noivo vem
Em santidade devo está
Ou Aleluia! Breve virá

Oh, aleluia! Oh, aleluia!
Em breve, muito em breve
Jesus irá voltar

Santidade é tempo de viver em santidade
Devemos andar em santidade
O noivo já vem ele já vem, ele vem
Ele vem

Parece não haver mais esperança
No arrebatamento pouco se houve falar
Muitos já não suportam ser provados
E na profecia deixam de acreditar
Parece que o céu já decretou sentença
De Deus a ira contra o homem se ascendeu
Problemas se multiplicando mundo a fora
Destruição e morte, sinais na terra e no céu
Parece que o pecado já não é pecado
Por isso muitos vivem a se corromper
Perderam a reverencia pelo que é sagrado
Já não sabem que pro abismo seguem a perecer
Parece que o amor já tem se ausentado
Do coração de muitos que se declaram cristãos
Mas a palavra de Deus, viva permanece
Em todo tempo nos exorta para a santificação

Santidade é tempo de viver em santidade
Devemos andar em santidade
O noivo já vem ele já vem, ele vem Ele vem

Santifica, purifica vossa veste irmão no sangue
Do cordeiro porque já está as portas
O que é santo e verdadeiro
Pra buscar sua noiva amada, ele vem, ele vem

Desperta, levanta e prepare as lamparinas
Pois é quase meia noite, ouça o som da buzina
E o mensageiro tocando a trombeta e anunciando
Que ele vem, que ele vem, que ele vem!

E qualquer que tem nele essa esperança
Purifica-se a si mesmo, assim como ele é puro
Vigiai porque não sabeis a hora em que a de vir o vosso senhor
Jesus está voltando, prepara-te para te encontrares com o teus Deus

Ele vem buscar sua noiva adornada, ataviada
A eleita, a guardada, a esposa tão amada
Escolhida, separada, reservada
Resgatada pelo sangue do cordeiro
O fiel e verdadeiro, ele vem

Santidade, é tempo de viver em santidade
Santidade é tempo de viver em santidade
Devemos de andar em santidade
O noivo já vem ele já vem, ele vem
Ele vem Jesus vem Ele vem, ele vem

Ele vem
Jesus vem
Ele vem, Ele vem

Add a playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir