Você pode imaginar qual a tua reação
Se acontecesse com você o que com Pedro aconteceu
Algemado em uma prisão sendo julgado por ser um fiel
Sobre torturas e acusações de um incrédulo
Ou de um rei cruel

Sobre a guarda de seus sentinelas
Estava pedro sendo vigiado
Quando um anjo entrou na prisão
Deixando todo mundo impactado
O anjo disse: Calce as sandálias
Coloque a capa e venha atrás de mim
E os portões de ferro se abriram
Trazendo aquele sofrimento ao fim

Qual seria sua reação
Se um anjo agora aparecesse aqui
Tomasse um crente pela sua mão
E o convidasse para o seguir
Qual seria tua reação
Se o quarto homem da fornalha ardente
Aparecesse em nosso meio agora
Provando a todos que ele é Deus presente

Qual seria tua reação se na parede surge-se outra vez
A mão de Deus escrevendo a sentença
De homens maus, governadores e reis
Qual seria tua reação se aparecesse nessa multidão
O próprio mestre fazendo milagre
Fazendo prodígios com suas fortes mãos
Ultrapassando a lei da gravidade
Fazendo coisas sobrenaturais
Fazendo coxo levantar na hora
E outras proezas que só ele faz

Fazendo o morto aqui ressuscitar
Abrindo estradas no meio do mar
Fazendo a água transformar em vinho
Fazendo azeite aqui multiplicar
E todos nós olhando para ele
Maravilhados com o seu poder
Impactados com a sua glória
Vendo esse templo inteiro estremecer

Arrebatados pela tua unção
E transformados num corpo imortal
Nos esquecendo dessa vida aqui
E adentrando os portões celestiais
Arrebatados no poder de Deus

No poder de Deus, no poder de Deus

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir

Posts relacionados

Ver mais no Blog