Numa tarde tão linda de Sol
Ela me apareceu
Com um sorriso tão triste
Um olhar tão profundo, já sofreu

Suas mãos tão pequenas e frias
Sua voz tropeçava também
Me falava da infância de lágrimas
Nunca teve ninguém

Nunca teve amor
Não sentiu calor de alguém
Nem sequer ouviu a palavra carinho
Seu ninho não existiu

Sinceramente eu chorei de tristeza
Ao ouvir tanta coisa que a vida oferece
Que a gente padece sem querer

Depois de tudo que ouvi
Não consigo esquecer
Ela me disse adeus e se foi
Nem seu nome eu sei dizer

De onde ela veio, pra onde ela vai?
Não sei dizer

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir
Composição: Fernando Augusto / Fernando Mendes · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por Flávio, Legendado por Mateus
Viu algum erro na letra? Envie sua correção.