Entre a Cruz e a Paixão

Fernando Mendes

exibições 2.860

Senti meu corpo todo estremecendo
Num desejo incontido quando vi o trem chegar
Pensei em milmomentos de ternura
E senti uma vontade de correr e te abraçar
Voce chegou assim tão decidida
Com uma cruz presa no peito e um rosário em sua mão
Voce sorriu...
Me acariciou...
E me abençoou

Lembrei daquela tarde, o vento frio
Onde nós nos aquecíamos de sonhos e de amor
Voce me prometera amor eterno
E eu jurava que voce seria a unica mulher
Agora voce volta tão mudada
Com uma cruz presa no peito e um rosário em sua mão
Voce sorriu...
Me acariciou...
E me abençoou

Refrao:
E agora não sei o que fazer
O que que eu faço da vida sem voce
Me diz agora como vou ficar
Me ensina a não te amar
O que eu faço do amor que eu quardei
E todos esses sonhos que sonhei
Eu tenho que ser forte e aceitar
Contra deus eu não posso lutar

Add a playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir