Cavalinho Velho Disparado,
Ninguém encoste nele que ele tá desembestado!
Cavalinho Velho Estourado
Não pegue nessa rédea que esse cavalo é brabo!
Todo coqueiro que balança cai,
Toda menina nova usa trança,
Um pouco de humildade nunca é demais,
E quem sabe esperar, um dia sempre alcança...

Onde chego sei entrar e também sei sair,
Montado em meu cavalo todo mundo olha pra mim,
E vou levando a vida pisando no chão,
Por que de "Avião" eu tenho medo de cair...

Vai, Vai, Vai, Vai, Vai, Vai...
Cavalinho...
Vai, Vai, Vai, Vai, Vai, Vai...
Bem devagarinho...
Piriri, Piriri, Piriri, Piriri, Piriri, Piriri...

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir
Composição: Alex Padang / Beto Caju / Ramon Costa · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por FORRÓ
Viu algum erro na letra? Envie sua correção.