Senhora e senhores, Grêmio Recreativo Unidos da Simpatia
Pede licença e pede passagem para mostrar seu novo samba-enredo
Bizantina a mulher bonita de Istambul
Oh, Bizantina, Bizância
Mulher bonita de Istambul
Diga, diga, diga, dime
Diga, diga, diga, diga
Bizantina, Bizância
Oh, mística de Istambul, Constantinopla

Que segredo é esse que você tem
A minha altivez e astúcia de mercador
Não sabem se é prazer, feitiço ou amor
Que todo homem, que todo homem tem
O mais rude, o mais nobre, o mais bravo
O mais narciso, o mais simples, o mais sábio
Estão aqui só pra te ver, oh mulher
Só pra te ver eee

Diga, diga, diga, dime
Diga, diga, diga, diga
Eles vieram de Kandahar, Pérsia, Katmandu
Atenas, Osaka, Pequim, Caxemira, Samarcanda, Jakarta
Alexandria, Bagdá, Jerusalém, Kilimanjaro
Daomé, Addis Abbeba, San Marino, Anglia, Toulouse, Praga
Baden Baden, Antuérpia, Casablanca, Guanajuato
Machu Picchu, Memphis e Málaga aa
E até um novo continente
Chamado Brasilis
Só pra te ver oh, mulher, só pra te ver eee

Oh, Bizantina, Bizância
Mulher bonita de Istambul
La la la la la la

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir

Posts relacionados

Ver mais posts