Arde uma cidade
Como um sol de fim de tarde
Quando abraça e beija a beira de um rio

Cio de um céu em brasa
Pura eletrecidade
Liga a chave
O olho brilha
Atiça o fogo e o fogo acende o pavio

Porto é uma miragem
De Jerônimo de Ornellas
Lá no morro meio Fool on the Hill
Vi a mão de Deus, de água
Delta ou estuário
Uma lagoa, uma viagem, um delírio
A mão de Deus é um rio

Beira Rio

E Platão dizia
Que o mar corrói a alma e o caráter
De maneira sutil
Bom é um pouco d'água
Mississipi de la Plata
Tietê, Guaíba, Hudson
E Reno e Sena e todos os rios

Porto é uma cidade
Que tem personalidade
E é alegre por direito civil
Me liga mais tarde
Vou ficar tomando um mate
Lendo a Zero
Enquanto espero o fim do por do sol
Na beira do rio

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir