exibições 4.982
Foto do artista Leo Aquilla

Mundo Cor de Rosa

Leo Aquilla


Eu queria que o mundo fosse calmo
Que fosse azul, mas fosse claro
Se fosse branco, seria a paz a um palmo
Eu queria que o mundo brilhasse
Que fosse preto, mas que ofuscasse
De transparente só o disfarce
A esperança do mundo é verde
Do tipo que acende o mundo interno e muda o mundo
inteiro.
O mundo dos sonhos é colorido e está cheio de fadas,
doendes e amigos
Amigos que queiram ou não queira tem um colorido na
mesma bandeira.
A vida é vermelha como o sangue que corre na veia e
faz bater meu coração
Eu sou feliz
Sou pé no chão
enxergo as coisas como elas são
A parte do desnunbre eu já passei
E descobri que o mundo pode até não ser gay
Mas é cor de rosa que eu sei.

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir