Fico na espera pra ver se você vem
A noite é muito longa, mas, tá tudo bem
Só falta você

O tempo é inimigo, e corre devagar
E uma vontade louca de te encontrar
De te matar de prazer

E eu fico sozinho, por isso reclamo
Só quero te dizer que é você que eu amo
Não existe outra mulher, pra mim

Onze e meia: Eu tô na espera
Meia noite, isso já era
Uma da manhã, você me apareceu
Uma e meia, que felicidade
Duas horas, mato a saudade
São três da manhã
Hoje eu vou te amar, pra valer

O tempo é inimigo, e corre devagar
E uma vontade louca de te encontrar
De te matar de prazer

E eu fico sozinho, por isso reclamo
Só quero te dizer que é você que eu amo
Não existe outra mulher, pra mim

Onze e meia, eu tô na espera
Meia noite, isso já era
Uma da manhã, você me apareceu
Uma e meia, que felicidade
Duas horas, mato a saudade
São três da manhã
Hoje eu vou te amar, pra valer

Onze e meia, eu tô na espera
Meia noite, isso já era
Uma da manhã, você me apareceu
Uma e meia, que felicidade
Duas horas, mato a saudade
São três da manhã
Hoje eu vou te amar, pra valer

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir

Posts relacionados

Ver mais no Blog