Vou beber a água
Desse rio que naveguei
Por você eu sou navegador
Vou lavar a alma
Nesse rio que naveguei
Molhar o meu corpo com amor

Vou até o fundo
Fundo do coração
Toda essa água pra mim
Fecho os meus olhos
E prendo a respiração
Depois me encolho num beijo sem fim

É, sozinho eu remei
Nas horas que cansei
A correnteza me ajudou
Tive fé
Tesouro tão real
É puro o cristal
Eu garimpei a água
Limpou
Naveguei
Meu amor encontrei

Vou beber a água
Desse rio que naveguei
Por você eu sou navegador
Vou lavar a alma
Nesse rio que naveguei
Molhar o meu corpo com amor

Vou até o fundo
Fundo do coração
Toda essa água pra mim
Fecho os meus olhos
E prendo a respiração
Depois me encolho num beijo sem fim

É, sozinho eu remei
Nas horas que cansei
A correnteza me ajudou
Tive fé
Tesouro tão real
É puro o cristal
Eu garimpei a água
Limpou
Naveguei
Meu amor encontrei

É, sozinho eu remei
Nas horas que cansei
A correnteza me ajudou
Tive fé
Tesouro tão real
É puro o cristal
Eu garimpei a água
Limpou
Naveguei
Meu amor encontrei
Meu amor encontrei

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir
Composição: Adriano Moraes / Douglas Lacerda / Munir Trad · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por Fernando
Viu algum erro na letra? Envie sua correção.