A hora do touro

Lucinha Lins

exibições 1.592

Lendo um anuncio num famoso matutino
Quis saber do meu destino
E fui direto a um professor
Que tinha estado bastante recentemente
Lá nas terras do Oriente com Nabucodonossor
Na astrologia e na magia ele dizia ser doutor
Examinando a data do meu nascimento
Ele previu bom casamento e uma escalada social
Segundo ele eu sou do signo de touro
Que é o signo do ouro do prazer e coisa e tal
Signo forte, sendo o signo da terra
Muita coisa boa encerra no plano material
Muito conforto e mordomia pra gastar o Vil metal

Quem é taurino do segundo decanato
É artista bom de fato e sempre acerta no que faz
Mas tem que ter muito cuidado com a garganta
Ardente quando canta com tensões profissionais
Sabendo disso eu fui em busca do tesouro
E num programa de calouros resolvi me apresentar
Com o sucesso que eu faria certamente
Choveriam pretendentes querendo me desposar
E o que eu queria muito mais que ser cantora
Era ser progenitora e senhora do meu lar
Com uma empregada eficiente pra eu não me preocupar

Infelizmente deu comigo tudo errado
De manhã deu tomei gelado e a minha garganta pifou
Não tinha pato no programa de calouros
Fui julgada por um touro que mugiu e me chifrou
Era um miúra, pele escura, pinta de reprodutor

Mas como um touro sou teimosa e persistente
E no domingo novamente euvolto a me candidatar
Venus por certo vai estar lá na paquela
Todo baixo-astral já era eu vou me reabilitar
Você vai ver, vai tudo ser satisfatório
Vou achar no auditório um capricórnio pra meu par
É chifre aqui, chifre acolá mas mesmo assim vou me casar!

"Ih meu Deus do céu!
O que? Você que é de capricórnio
Aparece, tá?!
Eu tenho sofrido tanto..."

*do disco Sempre, Sempre Mais

Add a playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir