exibições 323

Maldita

Madeixas


quantos mitos você me traz
quase sempre postura é mais
dessa vez vou meter os pés
e mudar pois
é sempre a mesma cara
sempre os seus costumes
sempre os mesmos gestos
sempre a mesma dose

de quantos vícios você é capaz
tento sempre mais nunca dá
dessa vez vou ficar aqui
e sofrer pois
são sempre os mesmos modos
sempre os seus discursos
sempre a mesma história
sempre a mesma dose

sem esconder não vou negar
o quanto gosto de você
assim
e apesar e dos pesares
sempre gosto de você
é sim!

quantos mimos você me faz
sempre em frente, do lado está
dessa vez vou admitir
e cantar que
é sempre o seu carinho
sempre o seu abraço
sempre o seu esforço
mas sempre a mesma dose

sem esconder não vou negar
o quanto gosto de você
assim
e apesar e dos pesares
sempre gosto de você
é sim!

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir

Posts relacionados

Ver mais no Blog