exibições 747

Por ser deveras conhecida
Palavra, eu ando aborrecida
Em qualquer lugar
Quando a passear
Sou muito perseguida

O meu tormento não tem fim
Nunca pensei sofrer assim
Velhos e mocinhos
Pedem-me beijinhos
Dizendo, enfim, pra mim:

Zizinha, zizinha,
Zizinha, zizinha
Ó vem, comigo vem, minha santinha
Também quero tirar uma casquinha

Noutro dia num bondinho
Um coronel já bem velhinho
Deu-me um beliscão
Pegou-me na mão
Cem (tais) coisas fez enfim
E quando olhei admirada
Até parece caçoada
Ainda suspirou
Os olhos revirou
Dizendo assim pra mim:

Zizinha, zizinha,
Zizinha, zizinha
Ó vem, comigo vem, minha santinha
Também quero tirar uma casquinha

Add a playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir