Até eu
Quando o assunto é de ter paixão
Faço o que recomenda a tradição
Carinho é coisa de primeira mão

Mas você
Sendo poeta tinha que saber
Até eu
Quando se trata de amor
Eu sou mais eu

Quem vai na conversa de quem trai
Qualquer dia a casa cai
E aí não pode haver perdão
Mas você de coração
Fala certo, mas não faz mesmo o que diz
Assim você nunca será feliz
Porque você não quis

Até eu
Quando o assunto é de ter paixão
Faço o que recomenda a tradição
Carinho é coisa de primeira mão

Mas você
Sendo poeta tinha que saber
Até eu
Quando se trata de amor
Eu sou mais eu

Não é que eu esteja de má fé
Mas você sendo mulher
Precisa ser mais cordial
Isso eu acho tão normal
E você vive estudando pra aprender
Na vida não se estuda pra saber
É preciso viver

Quem faz só aquilo que lhe atrais
Faz de menos ou de mais
Quando vai ver se arrependeu
É por isso que até eu
Faço votos que você não entre bem
Na vida ninguém vive por ninguém

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir