Enquanto o sol se vai você dá o ar
Dá graça de parar só pra te olhar
Multiplicando a vida sem pedir licença
Vem pra movimentar a minha existência
Como quem rega o solo só com a presença
Sorriso que supera qualquer desavença
Mas bença, mãe, agora a Lua mora em você!

Nasce uma Lua em mim
Traz minha inspiração
Enluarada, desmancho em canto
Me ligo ao seu coração

Enquanto o sol se vai você dá o ar
Dá graça de parar só pra te olhar
Multiplicando a vida sem pedir licença
Vem pra movimentar a minha existência
Como quem rega o solo só com a presença
Sorriso que supera qualquer desavença
Mas bença, mãe, agora a Lua mora em você!

Nasce uma Lua em mim
Traz minha inspiração
Enluarada, desmancho e canto
Me ligo ao seu coração

Filha da noite ela entra e guia
Desperta em mim magia
Cheia de encanto, ouve meu canto e guia
Nado, me canso, é ilha
Me lembra que alegria
Mãe, agora a Lua mora em você!

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir