Tá escrito em nossas linhas
Cada um faz seu destino
Fiz um pedido pros santos
Chefe dos anjos benditos

Pedi pra nossa senhora
Pedi pra santo expedito
Pra tirar o nó do peito
E dar um jeito no maldito

E quando eu vi o santo
Para o meu espanto parecia gente
Não tinha asa ou algo diferente
Eu so viria se fosse vidente

E eis que o anjo protetor
Desceu do céu e anunciou
Tu tem que tatuar um sabia no ser
Um passarinho que canta desde o alvorecer
Tá tudo ai…
Tá esperando o que?

Tá esperando o que?
Vamos fazer virar prazer o que era dor
Jogando flor na frente do ventilador
Pra espalhar flor e cultura

Tá esperando o que?
Vamos fazer virar prazer o que era dor
Jogando flor na frente do ventilador
Floricultura

Já atravessei deserto
Escapei do tiro certo
Sonho com um mundo livre
Sem fome, dor e tristeza

Quem quiser venha comigo
Ouça o badalar do sino
Sou assim desde menino
Esta e minha natureza

Eu sigo como o rio
A cada desafio crio novo caminho
Carrego amores, não vivo sozinho
E trago sonhos em cada cantiga

Desde que o anjo protetor
Desceu do céu e anunciou
Tu tem que tatuar um sabia no ser
Um passarinho que canta desde o alvorecer
Tá tudo ai…
Tá esperando o que?

Tá esperando o que?
Vamos fazer virar prazer o que era dor
Jogando flor na frente do ventilador
Pra espalhar flor e cultura

Tá esperando o que?
Vamos fazer virar prazer o que era dor
Jogando flor na frente do ventilador
Floricultura

Luz divina ilumina essa menina
Luz divina ilumina a minha sina

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir