Benny & Brown (part. Mano Brown)

Naldo

exibições 1.647

Firme e forte vai
Naldo Benny, Mano Brown
Benny Brown, Benny Brown

E quando Benny e Brown chega, o mar enche
o chão treme
Em Am, Fm, firme e forte no game
De frente no asfalto quente
Volume alto me entende
É um pássaro, é um avião, não, é Benny e Brown baby

É Benny e Brown baby, tô chegando aê
É firme e forte by Rj, Sp
É Benny e Brown vem pro meu mundo aê
Aqui é tudo nosso, demorô, se pá vai ter

Favela é forte, disposição
Emerson Sheik é da nação
É o lek, é o Marquinho, pô negão, cê pode crê
Um salve pro caboclo, Varejão do Cagebê
É a Vila do Pinheiro, Complexo da Maré
Firmô Nova Holanda, no pique, se pá, já é
Ai Brown chega ai, vem
No lanche da Solange

Vamo de Porshe e Tim Maia rolando no falante
E aê, Amarelinho, a Cari e a Serrinha
Nóis pula do outro lado e dá um chego na Rocinha
Vem, bagulho doido, nóis temo moral de cria
Mó satisfação, Brown, (haa) ai quem diria
Neguinho sujo, infância na escola Bahia
Hoje com Mano Brown, na pura sintonia
E o mano que arrebenta, neguinho eu te falei
Leandrinho Barbosa campeão Nba
E o meu respeito máximo vem pra representar
Talento nato, Romero Britto é classe A (eei)

Essa é pra você, vem no rolé comigo e sente
Ié ié, ié Pj firmão, juntão e sempre
De rolé lá na Maré, lá na Brasil sempre em frente
Ié ié, ié de nave ou de busão, sempre fui Benny
No pé, pisante Leblon, ai de boné bolado
De Yves Saint Laurant sou preto perfumado
Me jogo no basquete, aqui nóis desenvolve
É Ramos, Bom Sucesso, se pá nóis que resolve

Eu sou funk, black, samba jhow
Eu sou brasileiro
Eu sou Imperatriz, salve Celinho meu parceiro
A série Gold faz o baile bom
Na sexta-feira o pontilhão na faculdade
o menor não tá de bobeira
Chega aí Brown

Nunca fui santo, ela é de Santos, Estácio de Sá
É do berço do samba, eu torço pro Santos
no Rio ela é Fla Fla Fla
Diga quais quais quais
Minha preta só Vai Vai Vai
Sampa é a cara, a pampa na paz
sara cura é a pura é a mais mais mais
Homenagem em fita amarela
eu fiz, roda de samba pra ela até

Problema dela ela não quiser
Vou pra outra favela, tem quem me quer
Digo
Na Portela eu tirei a quina
Carol, Carol bela que é vascaína
Carolina que é preta véra
Tem samba de todas as cores nela
Por mil caravelas pra Osvaldo Cruz
Quinta-feira partiu Madureira, fui
E a batida fui, festa funk boa
Antes, durante, após o show hein
B R O W N na fé, no funk, soul, no flow Benny

E foi do Leme ao Pontal, Benny e Brown, Brown e Benny
Muvuco na Central, anormal pros Pm
2 preto de Bm, Benny e Brown, Brown e Benny
Onde é tudo é tudo, e nada é nada
É festa, é coisa séria
Gatas globais na ponte aérea
Criolos com M16
Olha, veja vocês em Sp

O 15 é visão em 3d
São Paulo é muvuco
Eu falo, é mó vulto, nego
Vida, gírias e vulgo
Onde os bang vem
De onde os band vence, nego

Por dinheiro outros bonde vem, nego
Bondes em 011, tem
Coisa e tal, 12 grau as vez
Benny Brown baby
Isso é pop ou não, swag, rashtag
Só ladrão, nego
Só ladrão, nego

Add a playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir