Muitos me consideram como o rei da ostentação
Tenho carro importado
Várias mansões e um avião
Viajando pelo mundo
Luxando em cada país
Cada lugar que eu passo é um milhão aqui ali

Já dizia a minha avó
Quando eu era criancinha
Quem guarda dinheiro em casa só vive com moedinha

E então eu virei investidor
Peguei a herança do meu pai e fui morar no exterior
E então eu virei dono do banco
Toda festa que eu chego eu comando, eu comando

Eu banco, eu banco porque eu sou dono do banco
Eu banco, eu banco porque eu sou
Eu banco, eu banco porque eu sou dono do banco
Eu banco, eu banco porque eu sou

O camarote é meu, a festa é minha, eu mando aqui
Jogue as mãozinhas pra cima, faz um “L”, faz um “X”
Eu sou o Gorginho Gostoso, o sucesso mora aqui
Jogue as mãozinhas pra cima, faz um “L”, faz um “X”

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir