Quando eu digo...Te amo
Falo do céu e das tuas estrelas
Falo da Terra, universo, natureza
Quando eu digo...Te amo
Falo do mar, da floresta, do vento
Falo da seiva, da chuva, do mormaço, pessoas
Sou um rio
Levando as histórias
Da tua beleza
Teu cheiro
Exala no dengo
Das tuas morenas
Na Braz de Aguiar
Mora o sonho
Dos homens despidos na Doca
Me toca nos bares da noite
Teu doce veneno...

Quando eu digo...Te amo
Falo do sempre
Do Círio, de tudo
Fao do eterno moleque
Do quanto te amo...

Belém, Belém
Regue a saudade
Regue a saudade pra mim
Belém, Belém, Belém, Belém
Regue a saudade
Regue a saudade pra mim...

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir