Escondido No Tempo

Oswaldo Montenegro

exibições 9.607

Como o legado do maias, menina
Como o que vem da maré
Tá escondido no tempo, menina
Aquilo que a gente é
Como o segredo da cor turmalina
O fim da nação Aymoré
Tá escondido no tempo, menina
Aquilo que a gente é

O inventor da gandaia, é tudo o que eu quero ser
O rei do rabo de arraia, menina, é tudo o que quero ser
E gente da tua laia, é tudo o que eu quero ser
E esse tomara-que-caia, menina, é tudo o que eu quero ser

Como o segredo de um sol que ilumina
Londres e a Praça da Sé
Tá escondido no tempo, menina
Aquilo que a gente é
Como quem nasceu em Amaralina
Que traz o gingado no pé
Tá escondido no tempo, menina
Aquilo que a gente é

O defensor da mulata é tudo o que eu quero ser
O perdedor da regata, menina, é tudo o que eu quero ser
O Zumbi da tua mata é tudo o que eu quero ser
O percussionista de lata, menina, é tudo o que eu quero ser

Como o poema de Cora Coralina
É irmão de "E Agora José?"
Tá escondido no tempo, menina
Aquilo que a gente é
A solidão de Bukowski e a sina
De quem não sabe o que quer
Tá escondido no tempo, menina
Aquilo que a gente é

O grão-vizir da Baixada é tudo o que eu quero ser
O demolidor da fachada, menina, é tudo o que eu quero ser
O doido da madrugada é tudo o que eu quero ser
Um ser estranho ou nada, menina, é tudo o que eu quero ser

Como o painel de Van Gogh e a retina
E o sangue azul da ralé
Tá escondido no tempo, menina
Aquilo que a gente é
Como quem diz que me odeia e me anima
Qual o segredo da fé?
Tá escondido no tempo, menina
Aquilo que a gente é

Add a playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir