exibições 231

Samaritana junto ao poço de jacó
Tantos amores em teu peito e tu tão só
Procuras agua que alivie o teu ardor
Samaritana a tua sede é de amor!

Samaritana, samaritana
A mais sedenta das mulheres de cicar
Samaritana, samaritana
A tua sede como a minha e de amar!

Tu não sabias que na fonte te esperava
Outro sedento que por ti sede passava
Ele agua viva teve sede até na cruz
Passou a ser a tua fonte esse Jesus

Samaritana, samaritana
A mais sedenta das mulheres de cicar
Samaritana, samaritana
A tua sede como a minha e de amar!

De pecadora na cidade conhecida
Ele te fez um rio vivo escolhida
Para correr anunciando que Jesus
Era verdade, era o caminho vida e luz!

Samaritana, samaritana
A mais sedenta das mulheres de cicar
Samaritana, samaritana
A tua sede como a minha e de amar!

Add a playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir