Por onde o céu me caia
Por onde um olho eclipse
Por onde uma cor desmaia
No fio de qualquer começo
Que uma paixão me convença
Por onde eu me dê de cara
Por onde a coisa mais rara
Por onde o tempo andara
No avesso do que se espia
Quero o teu corpo em êxtase
Eu vou querer desaparecer
Numa esquina qualquer
Numa tocaia
Eu vou sumir, me consumir
Em qualquer amor
Que me traia
Tocaia, tocaia...
Por onde um som me saia
Por onde uma notícia
Por onde alguém se cala
De outro modo escrevo
Que o meu coração enlouqueça
Por onde a minha cara
Por onde tece-se a teia
Por onde uma volta e meia
Em tudo que desconheço
A vida é quem me dispara

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir
Composição: Bebeto Alves / Léo Henkin · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por Vanessa
Viu algum erro na letra? Envie sua correção.