exibições 181

Não sei explicar o que aconteceu
A gente logo se perdeu
Em nosso próprio caminho

Trilhado sem saber ao certo pra onde ir
Deixando pistas falsas em qualquer esquina
Forjando como num livro de ficção
O que seria uma bela relação, ou não

Não vou ficar aqui pra assistir
Nossa ruína, azeda, fria, densa
Como um buraco negro

Que engole nosso riso e um resto de respeito
Espalha um certo orgulho individual
Bizarro estandarte a ostentar
Cambaleando até um dia, então, cair

Mas que eu saia primeiro
Antes que eu caia primeiro
Que eu saia primeiro
Antes que eu caia primeiro

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir

Posts relacionados

Ver mais no Blog