O fogo de um amor que já morreu
Fumaça negra desprendeu
E o brilho da lágrima se fez
De um olhar que foi tão seu

A terra não tremia entre nós dois
Em nossas brigas tão banais
Te dividi com outros eu não quis
Isso eu não quero nunca mais

Depois que o vento leste dissipar
Toda nuvem de rancor
Talvez ainda reste algum amor
Dissolvido pelo ar

Ainda sinto marejar, e continuo procurando
A gota que falta no meu mar
Pra que eu volte a navegar

Eu durmo cada dia num lugar
Saio sempre sem ninguém notar
O meu destino é me mudar
Pra você não me alcançar

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir