Pássaros Negros (Perfil #76 - Xaga)

Pineapple


Meus olhos observam atento à retina
Meus ouvidos trabalham tanto que hoje eu chamo de sina
Sinal tá forte, eu derrubo vocês tipo chacina
Tô preocupado com meu sul e cês entopem a narina
Tenho um recado pra polícia
Parem de perseguir meus manos pela melanina
Cor da pele no meu bairro é tipo adrenalina
Fantasma voando baixo na surdina da esquina
Xa-xaga reggaes
Não é questão de sorte, eu nasci forte, evoluí a mente
Vi que tem gente pra puxar o tapete
Mas os que correm do meu lado, eles são tipo pente
São trinta balas que perfuram, cês vão ter que aturar
Ver meus manos todos nas altura
Bater palmas, o pódio é vício, eu sei disso, o jogo é difícil
Psicologia interina do precipício
Pensamentos nível hard
Evolução, nós somos fase
Sobreviver na selva de pedra não é fácil
Não sabe a dificuldade
Rodeados de machismo, de racismo
De fascismo, extremismo custa caro
Armas cantam, são coral
Toda inveja vai abaixo
Nós se encontra amanhã
Escrevendo letras futurística, mística
Cada linha de papo reto é como um tiro, balística
Mente é foda, minha lírica entope as cabeça vivendo sono
Eu me proponho a dar o melhor
Eu não disse ao dia a dia: Desliga
Vocês vivendo a mentira
São como falsos profetas, verdades falsas na Bíblia
E o Mar Vermelho infelizmente eu vejo aqui todo dia
Chega de sangue, eu quero o sorriso dos cria

Eu vou voar mais alto, pode crer que eu vou
Pássaros negros querendo um pedaço da carne
Joias são medalhas fúteis nesse morra ou mate

Eu vou voar mais alto, pode crer que eu vou
Pássaros negros querendo um pedaço da carne
Joias são medalhas fúteis nesse morra ou mate

Tive que aprender
A não me arrepender das atitudes
A conseguir enxergar minhas virtudes
Defeitos fazem parte, não se ilude
Com a luxúria envolvida no mundo da música
Não, eu não escolhi isso
Mano, eu já nasci pra isso
Apreciar o dom, não sou melhor que ninguém
Reconheci meu valor nessa cena
Premiações à família
Dei um [?] no sistema
Me conheci nessa vida
Erva doce
Religião tá na pele e nós trouxe
Realidade sonora
Vim pra fazer a eternidade no morro

E eu vou voar mais alto, pode crer que eu vou
Pássaros negros querendo um pedaço da carne
Joias são medalhas fúteis nesse morra ou mate

E eu vou voar mais alto, pode crer que eu vou
Pássaros negros querendo um pedaço da carne
Joias são medalhas fúteis nesse morra ou mate

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir

Posts relacionados

Ver mais posts