Quem tem a razão?
Um burocrata ou um padre com o evangelho em mãos
Um momento instante então
Palavras não justificam a ida em vão

Esclarece por favor
O que é tão temido só acontece com os outros
O que você faria?

Justiça é tão bela
Se funcionasse só uma vez
A lei não ressuscita
Burocratiza o que eu já sei

Eu só sei: Adeus

Quem escutar então?
Delegado ou jurista, relatório em mãos
Ou um padre e seu sermão
Um toque divino não é explicação

Esclarece por favor
O que é tão temido só acontece com os outros
Me mostre então, a ida sem razão

Uma crença ajudaria
Se amenizasse só uma vez
Se ter fé for a saída
Quem sempre teve foi embora de vez

Eu só sei: Adeus

Aceitar ou não?
Crença nenhuma justifica a ida em vão
Sua papelada então?
Do que adianta tantas folhas sem conclusão

Esclarece por favor
O que é tão temido só acontece com os outros
Me mostre então, a ida sem razão

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir
Composição: Philippe Seabra. Essa informação está errada? Nos avise.
Revisões por 2 pessoas . Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog