exibições 1.996
Foto do artista Porca Véia

Meu Paraíso

Porca Véia


Amonta na garupa, gauchinha e vamo embora
Morar comigo num paraíso lá fora

Fiz um ranchinho, cobertura de tabuinha
Uma porta que dá pra sala, outra que dá pra cozinha
Jogo de tuia pra guardar as provisão
Milho colhido na roça, farinha, arroz e feijão
Dois banco grande, uma mesa de puro cerno
Fogão de chapa barreado pra aquecer nosso inverno

Manta de charque dependurada no gancho
Um lampião a querosene pra iluminar nosso rancho
Duas panelas de ferro continetina
Tarro de cobre que é pra leite da brasina
Chaleira preta, cuia e bomba prateada
Pra começar bem o dia mateando de madrugada

Catre bem largo, lastro de imbira trançado
Um colchãozito de palha pra aninhar do meu lado
E numa estaca pendurada no batente
Tem uma cola de vaca que pra tu guardar os pente
Janela grande que é pra ver o sol nascer
E iluminar teu sorriso gauchinha bem-querer

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir