exibições 3.421
Foto do artista Resgate

Lágrimas

Resgate


Pregando e soprando
Como quem enche balões
Cabeças de vento
Como se fossem pastéis

Coçam ouvidos de quem só procura patrões
Satisfazendo rebanhos juntando fiéis

São salgadas as lágrimas no mundo amargo
São salgadas as lágrimas no mundo amargo

Promessas e sonhos
Perpetuando cartéis
Farinhas diversas
O mesmo saco em comum
Carinhos e juras
Apenas visando o motel
Tijolos no muro
Que pena, somos mais um

São salgadas as lágrimas do mundo amargo
São salgadas as lágrimas do mundo amargo (são! São!)

Vivem sonhando que o céu é aqui
Coro estendido ao sol que seca
Buscam na rede quem possa mentir
Possam ouvir: Lázaro, dá-me uma torta

Respeitável público!
O circo chegou para ficar
Estamos na lona, entrem! Entrem!
Veja auditório, os palhaços escolhem os papéis
Malabaristas, domadores, leões

Contribuintes ruindo
Esperam um lar
Uma alcatéia no aprisco
Divide os quartéis

São salgadas as lágrimas do mundo amargo (são! São!)
São salgadas as lágrimas do mundo amargo (são! São!)
São salgadas as lágrimas do mundo amargo (são! São!)
São salgadas as lágrimas do mundo amargo (são! São!)

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir