Velocidade da Luz

Revelação

exibições 525.880

Eu já não sei mais
Por que vivo a sofrer,
Pois eu nada fiz
Para merecer.

Te dei carinho, amor.
Em troca ganhei ingratidão.
Não sei porquê, mas acho
Que é falta de compreensão.
Você me tem como réu,
O culpado e o ladrão
Por tentar ganhar seu coração. (2x)

Todo mundo erra!
Todo mundo erra sempre.
Todo mundo vai errar.
Não sei porquê, meu Deus,
Sozinho eu vivo a penar.
Não tenho nada a pedir,
Também não tenho nada a dar,
Por isso é que eu vou me mandar.
Vou-me embora agora...

Vou-me embora agora!
Vou embora prá outro planeta
Na velocidade da luz
Ou quem sabe de um cometa.
Eu vou solitário e firme
Onde a morte me aqueça.
Talvez assim de uma vez
Para sempre eu lhe esqueça.

Te dei carinho, amor.
Em troca ganhei ingratidão.
Não sei porquê, mas acho
Que é falta de compreensão.
Você me tem como réu,
O culpado e o ladrão
Por tentar ganhar seu coração.

Todo mundo erra!
Todo mundo erra sempre.
Todo mundo vai errar.
Não sei porquê, meu Deus,
Sozinho eu vivo a penar.
Não tenho nada a pedir,
Também não tenho nada a dar,
Por isso é que eu vou me mandar.
Vou-me embora agora...

Vou-me embora agora!
Vou embora prá outro planeta
Na velocidade da luz
Ou quem sabe de um cometa.
Eu vou solitário e firme
Onde a morte me aqueça.
Talvez assim de uma vez
Para sempre... Todo mundo erra...

Todo mundo erra!
Todo mundo erra sempre.
Todo mundo vai errar.
Não sei porquê, meu Deus,
Sozinho eu vivo a penar.
Não tenho nada a pedir,
Também não tenho nada a dar,
Por isso é que eu vou me mandar...
Por isso é que eu vou me mandar...
Por isso é que eu vou me mandar...

Add a playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir
Composição: Clovis Baiano · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por Walter, Legendado por Ana
Viu algum erro na letra? Envie sua correção.