Um coração magoado.
Não consegue disfarçar.
Uma dor que vem no peito.
Uma vontade de chorar.

Mas às vezes é preciso.
Não se deve segurar.
E brilha mais o sorriso.
Depois de desabafar.

Chora, chora, chora Carolina.
Que esse choro é bom de chorar.
Canta, canta, canta Carolina.
Quando tem vontade de cantar.

Também a felicidade.
Vê-se logo no olhar.
Canta o coração da gente.
Canta em qualquer lugar.

Mas às vezes é preciso.
Não se deve segurar.
E brilha mais o sorriso.
Depois de desabafar.

Chora, chora, chora Carolina.
Que esse choro é bom de chorar.
Canta, canta, canta Carolina.
Quando tem vontade de cantar.

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir