Esta é uma carta corrente ... corrente...
Vinda de uma seita milenar do oriente
Que já trouxe morte e maldição à muita gente
Não seja descrente, essa é diferente
Passem à frente, passem à frente
Quebrem a corrente e sofrerão eternamente

Esta é uma carta corrente ... corrente...
Vinda de uma seita milenar do oriente
Mandem sete cópias para indivíduos diferentes
E consinta deus que eles as passem a frente
Passem à frente, passem à frente
Se deus não consente, quem sofre é o remetente

Esta é uma carta corrente ... corrente...
Vinda de uma seita milenar do oriente
Seja coerente, seja consciente
Não rasgue, não queime, não seja indiferente
Passe à frente, passe à frente
Quebrando a corrente, morrerá tragicamente!
Pois diz o ditado:
Quem cala, consente.

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir
Composição: Raul Rachyd / Sérvio Túlio. Essa informação está errada? Nos avise.

Posts relacionados

Ver mais posts