exibições 1.542
Foto do artista Sétima Legião

Cantar,
Como quem canta um fado.
Um amor que passou,
Traços de um vento apagado.
Um mundo que acabou,
P´ra não ter de mudar.

Vou cantar,
Nas palavras de um fado.
As trovas que nos diz,
Um rei sem trono nem reinado.
Sem novas nem país,
Por ter de navegar,
Ter de navegar.

Eu vou cantar por quanto passei.
Eu vou cantar porque te encontrei.
Vem navegar para longe no mar.
Há um navio para nos levar ao fim do mar...
Cantar um temporal que se levanta para nos alcançar.
Mas a bandeira azul e branca vai tornar ao mar.
Da cor do teu olhar,
Azul no olhar.

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir