Foto do artista Sirí Com Cãimbra

Pó de Serra (Ele Caga Tora)

Sirí Com Cãimbra


Eu tenho um amigo que era pintor,
Balançava a sua brocha com orgulho e com fervor.
Ele gostava muito de confeitar:
Foi trabalhar na padaria para a rosquinha queimar!

Ele já trabalhou como borracheiro,
Soltava a rodinha o dia inteiro.
Cada martelada era uma piscada,
Mas mudou de profissão e ganha uma grana lascada!

Veja como anda o meu amigo agora:
Tá comendo pó de serra para cagar tora!
Veja como anda o meu amigo agora:
Tá comendo pó de serra para cagar tora!

Ele era um cara bem vaidoso:
Ía pra academia paquerar o musculoso!
Ele gostava muito de passear:
Pegava no câmbio para a marcha engatar!

As mulheres quando o víam ficavam gritando:
Toda empiriquitada com as bunda balançando.
Hoje quando o vê que decepção:
Chega todo encurralado, desgaste da profissão!

Veja como anda o meu amigo agora...

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir