exibições 1.127
Foto do artista Skowa e a Máfia

Estação São Bento

Skowa e a Máfia


Caminho, carimbo meus paços no asfalto
Nessa trilha não se anda de sapato alto
Pedintes, pedantes, malucos, errantes
Nesse palco flutuante representa seu papel
É a cara marcada, é o gozo do fel
É o riso contido, é o gosto do mel
E vou de surf do asfalto nesse mar de gente
Eu em estado líquido fico contente

Na esquina de baixo encontro o pessoal
Com suas armas de sempre
Se enfrentam, disputam
Giros pulos, rabos de arraia
Breques, contorções, Ninguém dança de saia
Atrás do toca-disco o espírito da garagem
O DJ se esmerando nos scratches, mixagens
Fank, rock, hip hop
Samba urbano do Chuí ao Oiapoque

Fank, rock, hip hop
Samba urbano do Chuí ao Oiapoque

Todo dançarino tem seu nome, seu talento
Juntos poderemos fazer o movimento
Hoje é dia de disputa, hoje é dia de dançar
Todas gangues presentes no metrô vão estar
Leva, não vela, não leva, leva, pra ver
A moçada na São Bento pra tirar um lazer
Somos cidadãos, com direito ou não
Só queremos ter liberdade de expressão

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir