Ô inha, por que você faz assim comigo, estou subindo nas paredes estou a perigo
Sou fiel a você acredite meu bem...

Durante todo esse tempo eu não fui de ninguém, não fui de ninguém, não...

Todos os meus amigos estão me chamando de "joão" que não come, não bebe, não fuma e não foge
"só trabalha coma a mão"

Voce insiste em dizer que vivo num arém, mas quando eu estava fora eu não fui de ninguém,
Não fui de, não...

Não fui de ninguém, não fui de ninguém, não fui de ninguém, não fui de ninguém...

Chego de viagem cansado querendo te ver, você me fala: safado, não quero nada com você, escute com
Carinho o que eu te digo meu bem

Enquanto eu estava fora eu não fui de ninguém, não fui de ninguém, não...

Voce insiste em dizer que vivo num arém, mas quando eu estava fora eu não fui de ninguém,
Não fui de, não...

Não fui de ninguém, não fui de ninguém, não fui de ninguém, não fui de ninguém...

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir