Quando a cerveja fica quente demais, o cinzeiro está cheio e a embalagem de café vazia, eu perco minha astúcia e eu sou um verme, e que tem uma moldura para Simone.
Eu tentei fazer o café
Eu não dou asquerosidade
para evitar o embalsamento do Vinho derramado na Balsa
Brasas em sua homenagem.
Tentei fumar
me levar para o caminho da capenguisse
ela me apresentou ao vinho
ao qual estou viciada.
E hoje é que ontem
a Lídia se tornou rainha
sem dentes que a escova
Hoje é o melhor pente.
E não desfaz a porra
esse abrasamento tão fugaz,
naquele quarto podre de Sandra
declarado imortal.
Quando as estrelas iluminam o meu cigarro, eu posso ver as TJN'S de joelhos implorando para causar,
hoje em minha janela vejo chover no café
Hoje somos abrasadoras desse bairro,
E ninguém segura nóis mais, manollos,
Grazy Larios se fodeu, e Nóis só causa nas ruas Do Queens,
Somos faveladas, TJN as Abrasadoras, abrasadora,
A arte de Khombosar.

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir
Composição: Dayse Beiçola / Denise Barato Aê / Lídia Griizy / Nena Uh! Baby / Sandra Khombosa · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por TJN
Viu algum erro na letra? Envie sua correção.