Canção de Noras (Casa de Bonecas)

Tom Zé

exibições 1.931

Sobre o abismo pairava
Deus:O homem era um dos aliados
Seus.
Era de se ver,
Era de se ver.

Mas Nora ignora os poderes
Reais,
O chicote, a espada e suas leis
Morais.
Era de se ver,
Era de se ver.

E quando decide escrever
O seu próprio roteiro,
Quebrar as correntes
Do secular cativeiro,

Então ela pede
Às forças do sangue
Valia
E logo a sala se torna,
Da sua pessoa,
Vazia.


Na hora em que Nora
Sai, bate a porta
Abre-se um vão
O céu quase aborta
A lei que era morta
Cai no porão.

Add a playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir