exibições 220

Suficientemente Transparente

Tudocore


Todo mundo diz
Que somos um casal diferente
Que ninguém gosta da gente
Mas o que foi que eu fiz?

Todo mundo me recrimina
Fala mal da minha mina
Só porque eu sou humanóide
E ela é um ser amebóide

REFRÃO:

------------------------

Quando ela vem
Balançando seus pseudópodes
Ela me toca como ninguém
Ela me faz feliz

Quando ela vem
Sei que ela me ama
Vejo seu coração bater forte
Porque ela é suficientemente transparente

------------------------

Ela rasteja aos meus pés
Ela se espande no chão
Se alimentou do meu cão
Pinocitou 3 cafés

Ela tem muito ciúme
Que de certa forma nos une
Quando alguém chega perto
Vira comida por certo

REFRÃO

Conviver com esse ser
É uma benção pra mim
Uma alegria sem fim
Que poucos podem ter

Porque não é todo mundo
Que tem amor tão profundo
Por alguém de extremidades tão belas
E que tem organelas

REFRÃO

No nosso primeiro contato
Quase fui fagocitado
Mas fiquei muito excitado
E pensei em levá-la pro mato

Toda vez é igual
Ela pega no meu pé
Eu pergunto se ela quer
E aí o troço começa

(Falado, mantendo a base)

Você deve estar se perguntando: como é que dois seres
tão diferentes conseguem fazer... Quero dizer,
onde é que você... Sabe... De que jeito... Porque eu
não consigo ver de que maneira... Onde colocar...

(Sem som)

Mas é tudo muito fácil. É mais ou menos assim:

(Instrumental)

FIM:

Hoje temos 3 filhos lindos
E uma casa de cerca amarela
Nossa vida é muito boa
O chato é ter que conviver com as mitocôndrias dela

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir